Observe as frases abaixo.

a) Vossa Senhoria deseja que lhe indiquemos seu novo escritório?

b) Vossa Senhoria desejais que vos indiquemos vosso novo escritório?

 Ambas estão gramaticalmente corretas. 








Questão: 404639
Banca: FUNRIO Prova: Auxiliar de Administração Ano: 2016
Disciplina: Português Assunto: Morfologia - Pronomes , Pronome de tratamento ,
Nas comunicações oficiais a serem mantidas com uma instituição de ensino cujo cargo máximo é o de Reitor, deve-se atribuir a ele a seguinte forma de tratamento:
Questão: 404708
Banca: CESGRANRIO Prova: Técnico em Regulação Ano: 2016
Disciplina: Português Assunto: Morfologia - Pronomes , Pronome de tratamento ,
O pronome de tratamento está empregado de acordo com a norma-padrão em:
Questão: 406505
Banca: OBJETIVA Prova: Assistente Administrativo I - Secretária Ano: 2015

Em conformidade com MEDEIROS e HERNANDES, assinalar a alternativa que preenche as lacunas abaixo CORRETAMENTE: 

A concordância com os pronomes de tratamento se faz com o verbo na __________ pessoa, isto é, embora designem a pessoa a quem se fala (a segunda), esses pronomes exigem verbo na __________ pessoa. 

Questão: 406805
Banca: MGA Prova: Administrador Ano: 2015
Disciplina: Português Assunto: Morfologia - Pronomes , Pronome de tratamento ,
Com relação aos pronomes de tratamento, os termos utilizados nas orações a seguir estão corretos, EXCETO:
Questão: 406857
Banca: MPE-GO Prova: Secretário Ano: 2015
Disciplina: Português Assunto: Morfologia - Pronomes , Pronome de tratamento ,
Assinale os pronomes de tratamento adequados para as seguintes autoridades: 

I – Papa

II- Juiz de Direito

III – Reitor

IV – Cardeal

Questão: 412661
Banca: MPE-RS Prova: Engenheiro civil Ano: 2015
Assinale o enunciado que está inteiramente de acordo com as normas da Língua Portuguesa.
Questão: 414404
Banca: FGV Prova: Analista de Controle Interno Ano: 2014
Disciplina: Português Assunto: Morfologia - Pronomes , Pronome de tratamento ,
“...trabalhou no serviço penitenciário de Sua Majestade".

O emprego da forma de tratamento Sua Majestade se justifica por 
Texto 2

Jeffrey Archer, cujos livros sempre marcaram presença nas listas de best-sellers em todo o mundo, com mais de 250 milhões de exemplares vendidos em 97 países e mais de 37 línguas, já escreveu romances, contos e obras de não ficção que alcançaram o topo das vendas. 
O autor estudou na Oxford University e durante cinco anos foi membro da Câmara dos Comuns, durante dezesseis, da Câmara dos Lordes, e por dois anos trabalhou no serviço penitenciário de Sua Majestade – o que inspirou muitas de suas histórias.
(Jeffrey Archer
Questão: 429143
Banca: CAIP-IMES Prova: Agente Operacional Ano: 2012
Disciplina: Português Assunto: Morfologia - Pronomes , Pronome de tratamento ,
Para escrever uma carta para a presidenta do nosso país, devemos usar o pronome de tratamento: 
Questão: 450550
Banca: NCE-UFRJ Prova: Técnico Administrativo Ano: 2007
A partir do quarto parágrafo o autor se vale do imperativo para construir os últimos argumentos de sua estratégia de "convencimento do leitor", mas o texto como um todo mostra coerência na forma de tratamento em terceira pessoa do singular porque, além dos verbos no imperativo, emprega pronomes:
TEXTO I

Pronto para outra?
Ricardo Freire

          Para muita gente, esta é a semana mais difícil do ano.
Você volta das férias, tenta se adaptar de novo à rotina e
já pressente as surpresas que vai ter ao receber a conta do
cartão de crédito. Quando se dá conta, é mais uma vítima
da depressão pós-viagem. Eu só conheço uma maneira de
sair dessa: começar a pensar já na próxima. Não, não é
cedo demais. Nem sintoma de descaso pelo trabalho.
Acalentar uma viagem é uma maneira segura de manter
aceso o interesse pelo fato gerador de suas férias: seu
emprego.
          Além do que, planejar uma viagem com antecedência
é o melhor jeito de rentabilizar seu investimento. Por que
se contentar em aproveitar apenas os dias que você passa
longe de casa, quando dá para começar a viajar muito
antes de embarcar - e sem pagar nada mais por isso?
          Eu gosto de comparar o planejamento de uma grande
viagem ao preparo de um desfile de escola de samba no
Carnaval. Assim como as férias, o Carnaval em si dura
pouco - mas é o grand finale de um ano inteiro de
divertida preparação.
          É fácil trazer o know how do samba para suas férias.
Use os três primeiros meses depois da volta para definir o
"enredo" de sua próxima viagem.
          Tire os meses seguintes para encomendar guias e
colecionar as informações que caírem em sua mão -
revistas, jornais, dicas de quem já foi. Vá montando o
itinerário mais consistente, descobrindo os meios de
transporte mais adequados, decidindo quais são os hotéis
imperdíveis. Quando faltarem quatro meses para a
partida, tome coragem e reserve a passagem e os hotéis.
          Passe os últimos três meses fazendo a sintonia fina:
escolhendo restaurantes, decidindo o que merece e o que
não merece ser visto.
          Depois de tudo isso não tem erro: é partir direto para
a apoteose.

Revista Época, 29/01/2007, p. 112 (fragmento).