Questões da Prova de Agente penitenciário

Questão: 257480
Banca: CESPE Prova: Agente penitenciário Ano: 2015
Disciplina: Assunto:
No que diz respeito a linguagens de programação e banco de dados, julgue o item a seguir.


O resultado final do algoritmo em português estruturado apresentado abaixo é 13524.


X[1]:=4
X[2]:=2
X[3]:=5
X[4]:=3
X[5]:=1
PARA J:=5 ATE 1 PASSO -1 FACA
   PARA I:=1 ATE J-1 FACA
      SE (X[I] > X[I+1]) ENTAO
        AUX:= X[I]
        X[I]:=X[I+1]
        X[I+1]:=AUX
      FIMSE
    FIMPARA
  FIMPARA

  PARA I:=1 ATE 5 FACA
     ESCREVA( (X[I])
  FIMPARA










Questão: 465390
Banca: CESPE Prova: Agente penitenciário Ano: 2009
Disciplina: Noções de Informática Assunto: Microsoft Word ,
Com relação ao Microsoft Word, julgue os itens subsequentes.O recurso Comentário é útil quando se está elaborando um documento de grande extensão no Word. Para se usar esse recurso, que permite incluir lembretes na posição atual do cursor, basta selecionar a opção Comentário no menu Inserir.

Questão: 127791
Banca: FMZ - AP Prova: Agente penitenciário Ano: 2010
Com base na Declaração Universal dos Direitos Humanos é CORRETO afirmar que
Questão: 33145
Banca: CESPE Prova: Agente penitenciário Ano: 2009
A sociedade de economia mista, pessoa jurídica de direito privado, deve ser organizada sob a exclusiva forma de sociedade anônima.

Questão: 445349
Banca: CESPE Prova: Agente penitenciário Ano: 2009
Disciplina: Português Assunto: Funções morfossintáticas da palavra SE ,
Em "O país comprometeu-se" (l.13), o pronome "se" tem a função de sujeito indeterminado.

Questão: 22408
Banca: CESPE Prova: Agente penitenciário Ano: 2013
As fundações públicas poderão ser criadas para exercerem atividades de fins lucrativos.

No que se refere à organização administrativa, julgue os próximos itens.








Qual, dentre os dispositivos periféricos listados abaixo, é o único que serve apenas como dispositivo de entrada:

Questão: 60042
Banca: CESPE Prova: Agente penitenciário Ano: 2013
Considere que Adolfo, querendo apoderar-se de bens existentes no interior de uma casa habitada, tenha adentrado o local e subtraído telas de LCD e forno micro-ondas. Nessa situação, aplicando-se o princípio da consunção, Adolfo não responderá pelo crime de violação de domicílio, mas somente pelo crime de furto.

      O conflito aparente de normas é o conflito que ocorre quando duas ou mais normas são aparentemente aplicáveis ao mesmo fato. Há conflito porque mais de uma pretende regular o fato, mas é um conflito aparente, porque, com efeito, apenas uma delas acaba sendo aplicada à hipótese.


Fernando Capez. Curso de direito penal, v .I: parte geral.16.ª ed. São Paulo: Saraiva, 2012 (com adaptações).


Com base no texto acima e nos princípios utilizados para a solução do conflito aparente de normas penais, julgue o item seguinte.








Questão: 389399
Banca: CESPE Prova: Agente penitenciário Ano: 2015
Disciplina: Não definido Assunto: Geral ,
           A primeira materialização da autonomia é a liberdade de opressão como interferência arbitrária. Consiste na fruição livre de direitos estabelecidos e está associada a um sentido de dignidade. É uma velha e, na verdade, imemorial e universal espécie de sentimento e comportamento.


                                                                           José Guilherme Merquior. O liberalismo, antigo e moderno.
                                                                               São Paulo: É Realizações, 2014, p. 47 (com adaptações).


Tendo o texto apresentado como referência inicial, julgue o item seguinte, relativos a pensamento político e relações entre Estado e indivíduo.


A liberdade de participação política é um aspecto central da noção de autonomia, entendida como liberdade para fruir os direitos privados sem a interferência arbitrária de outrem.









Questão: 127994
Banca: UPENET/IAUPE Prova: Agente penitenciário Ano: 2010
Na história dos Direitos Humanos, o momento mais importante ocorreu após a 2ª guerra mundial, quando os países uniram-se, buscando restabelecer a paz mundial. Assim, no dia 10 de dezembro de 1948, durante reunião da Assembleia Geral das Nações Unidas, foi proclamada a Declaração Universal dos Direitos Humanos, que, dentre outros tópicos, consagrou, EXCETO: