Questões da Prova de Auditor Fiscal

Questão: 37335
Banca: FGV Prova: Auditor Fiscal Ano: 2016
Disciplina: Direito Constitucional Assunto: Teoria da Constituição , Classificação das Constituições ,
Edilberto, advogado constitucionalista, idealizou um modelo constitucional com as seguintes características: a primeira parte não poderia sofrer qualquer tipo de alteração, devendo permanecer imutável; a segunda parte poderia ser alterada a partir de um processo legislativo qualificado, mais complexo que aquele inerente à legislação infraconstitucional; e a terceira parte poderia ser alterada com observância do mesmo processo legislativo afeto à legislação infraconstitucional.

À luz da classificação predominante das Constituições, é correto afirmar que uma Constituição dessa natureza seria classificada como
Questão: 237330
Banca: FCC Prova: Auditor Fiscal Ano: 2015
Uma pessoa contraiu uma dívida a ser paga pelo Sistema de Amortização Constante - SAC em 40 prestações mensais e consecutivas. Se a primeira prestação, que vence ao completar um mês da data do empréstimo, é de R$ 3.000,00 e a décima é igual a R$ 2.550,00, então a última prestação é de
Questão: 339784
Banca: FCC Prova: Auditor Fiscal Ano: 2015
Disciplina: Legislação Estadual Assunto: Legislação do Estado do Piauí , Lei nº 4.261/1989 – ITCMD ,
Tiago, domiciliado em Campo Maior/PI, proprietário de imóveis nas cidades de Sobral/CE, Batalha/PI e Mossoró/RN, deu em usufruto os referidos imóveis a seu primo Ricardo, domiciliado em Fortaleza.

A formalização do ato que instituiu o usufruto em relação aos três imóveis foi feita em cartório, com a presença de ambos.

Em relação ao imóvel localizado em Mossoró/RN, a instituição do usufruto foi por 25 (vinte e cinco) anos; em relação ao imóvel localizado em Batalha/PI, o usufruto foi instituído pelo prazo de 12 (doze) anos e meio e, em relação ao imóvel localizado em Sobral/CE, o usufruto foi instituído por prazo indeterminado.

Considerando as informações acima e o disposto na Lei Estadual nº 4.261, de 1º de fevereiro de 1989,
Questão: 77790
Banca: FGV Prova: Auditor Fiscal Ano: 2016

Ronaldo freou seu veículo pouco antes da faixa de pedestres, em respeito ao sinal de trânsito vermelho. Rafaela, que vinha logo atrás de Ronaldo, também parou, guardando razoável distância entre os carros. Entretanto, Tatiana, que trafegava na mesma faixa de rolamento, mais atrás, distraiu-se ao redigir mensagem no celular enquanto conduzia seu veículo, vindo a colidir com o veículo de Rafaela, o qual, em seguida, atingiu o carro de Ronaldo.

Diante disso, à luz das normas que disciplinam a responsabilidade civil, assinale a afirmativa correta. 

Questão: 547473
Banca: UECE-CEV Prova: Auditor Fiscal Ano: 2016
Disciplina: Assunto:
O imposto sobre serviços de qualquer natureza não incide sobre
Questão: 568844
Banca: AOCP Prova: Auditor Fiscal Ano: 2016
Disciplina: Assunto:
A análise sobre o risco de auditoria deve ser realizada pelo auditor independente já na fase de aplicação do questionário de controle interno e, principalmente, na fase do planejamento dos trabalhos de auditoria a serem executados. A possibilidade de o auditor vir a emitir uma opinião inadequada sobre as demonstrações contábeis com base nos testes substantivos aplicados na empresa é denominada
Questão: 568843
Banca: AOCP Prova: Auditor Fiscal Ano: 2016
Disciplina: Assunto:
Um auditor independente, durante a execução dos seus serviços em uma empresa auditada, encontrou vários fatos contábeis errôneos, os quais o auditor independente julgou importante, mas não relevantes e foram, acompanhado pela equipe de auditoria, ajustados pela empresa auditada. Nesse caso, o auditor independente deverá emitir qual tipo de relatório de opinião?
Questão: 189502
Banca: FEPESE Prova: Auditor Fiscal Ano: 2014
Disciplina: Direito Empresarial (Comercial) Assunto: Teoria Geral do Direito Empresarial , Nome empresarial ,
De acordo com o Código Civil Brasileiro, assinale a alternativa correta em relação ao direito de empresa.
Questão: 198649
Banca: FEPESE Prova: Auditor Fiscal Ano: 2014
Disciplina: Contabilidade Geral Assunto: Geral ,
Quando da imobilização de um bem existem custos que podem ser reconhecidos.

Assinale a alternativa que identifca corretamente esses custos.
Questão: 417862
Banca: FEPESE Prova: Auditor Fiscal Ano: 2014
Disciplina: Português Assunto: Geral ,
Considere os trechos extraídos do texto 2.

1. “Na obra Tempos líquidos, o senhor afirma que o poder está fora da esfera da política e há uma decadência da atividade do planejamento a longo prazo.” (segundo parágrafo)
2. “Diante disso, é possível pensar ainda em um resgate da utopia.” (segundo parágrafo)
3. “É do jardineiro que tendem a sair os mais fervorosos produtores de utopias.” (último parágrafo)

Assinale a alternativa correta.
Texto 2

Entrevista - Zygmunt Bauman

Zygmunt Bauman é um dos pensadores contemporâneos que mais têm produzido obras que refletem os tempos contemporâneos. Professor emérito de sociologia da Universidade de Leeds, Bauman propõe o conceito de “modernidade líquida” para definir o presente, em vez do já batido termo “pós-modernidade”, que, segundo ele, virou mais um qualifcativo ideológico. A seguir, trecho da entrevista concedida pelo sociólogo à revista CULT.

CULT Na obra Tempos líquidos, o senhor afirma que o poder está fora da esfera da política e há uma decadência da atividade do planejamento a longo prazo. Entendo isso como produto da crise das grandes narrativas, particularmente após a queda dos regimes do Leste Europeu. Diante disso, é possível pensar ainda em um resgate da utopia?

Zygmunt Bauman Para que a utopia nasça, é preciso duas condições. A primeira é a forte sensação (ainda que difusa e inarticulada) de que o mundo não está funcionando adequadamente e deve ter seus fundamentos revistos para que se reajuste. A segunda condição é a existência de uma confiança no potencial humano à altura da tarefa de reformar o mundo, a crença de que “nós, seres humanos, podemos fazê-lo”, crença esta articulada com a racionalidade capaz de perceber o que está errado com o mundo, saber o que precisa ser modificado, quais são os pontos problemáticos, e ter força e coragem para extirpá-los. Em suma, potencializar a força do mundo para o atendimento das necessidades humanas existentes ou que possam vir a existir.

CULT Por que se fala tanto hoje de “fim das utopias”?

Zygmunt Bauman Na era pré-moderna, a metáfora que simboliza a presença humana é a do caçador. A principal tarefa do caçador é defender os terrenos de sua ação de toda e qualquer interferência humana, a fim de defender e preservar, por assim dizer, o “equilíbrio natural”. A ação do caçador repousa sobre a crença de que as coisas estão no seu melhor estágio quando não estão com reparos; de que o mundo é um sistema divino em que cada criatura tem seu lugar legítimo e funcional; e de que mesmo os seres humanos têm habilidades mentais demasiado limitadas para compreender a sabedoria e harmonia da concepção de Deus.

Já no mundo moderno, a metáfora da humanidade é a do jardineiro. O jardineiro não assume que não haveria ordem no mundo, mas que ela depende da constante atenção e esforço de cada um. Os jardineiros sabem bem que tipos de plantas devem e não devem crescer e que tudo está sob seus cuidados. Ele trabalha primeiramente com um arranjo feito em sua cabeça e depois o realiza. Ele força a sua concepção prévia, o seu enredo, incentivando o crescimento de certos tipos de plantas e destruindo aquelas que não são desejáveis, as ervas “daninhas”. É do jardineiro que tendem a sair os mais fervorosos produtores de utopias. Se ouvimos discursos que pregam o fim das utopias, é porque o jardineiro está sendo trocado, novamente, pela ideia do caçador.

imagem-001.jpg